Domingo, 3 de Junho de 2007

Chavela Vargas

Diz o encarte deste CD que Chavela Vargas sempre quis gravar um disco acompanhada por instrumentos tradicionais mexicanos, quase como se ela própria devesse isso à cultura que sempre a inspirou e abraçou. “Cupaima” que chegou esta semana ao mercado nacional é um disco “assombroso”, assombroso no sentido em que é muito pouco provável que este ano oiçamos algum outro trabalho como este: mágico, poético, sofrido, quase como se estas canções conseguissem arrastar o universo com elas, com elas e com a voz dolente e única de Chavela que continua a transportar toda a tristeza e emoção como se ela própria fosse a transfiguração destes sentimentos. Gravado entre 2005 e 2006 (a cantora despediu-se dos palcos num já mítico concerto no México em Outubro de 2006) e acompanhado por um DVD de 105 minutos, “Cupaima” apresenta uma nova leitura da arte desta senhora com temas (pérolas é a palavra mais adequada…) como “La llorona”, “”Macorina”, “Soledad” ou “Piensa em mi”, canções aqui mais contidas de modo a que as (excelentes) novas orquestrações brilhem mas nunca sem perderem o vigor ou a força que Chavela sempre soube dar às histórias que canta. O encarte também nos “conta” como ao final de cada canção gravada, todos os presentes no estúdio choravam de emocionados que estavam e esse sentimento passa a cada audição deste disco: mágico, poético, belo e sofrido como a vida é e deve ser. Não vou avaliar este disco de 1 a 10 como habitualmente faço pois não estaria a ser justo, aliás nada do escrevi chega sequer perto ao que aqui se ouve, e isso continua nas mãos e sobretudo na voz desta grande e genial senhora. Imprescindível, absolutamente imprescindível! 
 
O DVD traz-nos uma sentida entrevista com Chavela que nos fala da sua vida, música, amigos e o mundo que a rodeia, imagens da gravação do disco e vários depoimentos emocionados e emocionantes sobre a sua obra e pessoa.
publicado por rayoflight às 02:26
link do post | comentar | favorito
|
1 comentário:
De tsiwari a 5 de Junho de 2007 às 09:34
A diva maior... de todos os tempos!


Comentar post

.pesquisar

 

.Junho 2011

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

13
15
16

19
21
24
25

28
29


.posts recentes

. Contos de fados

. Gato escaldado

. Água

. Viagem

. Agenda

. Maíra Freitas

. Agenda

. Brasil encena

. Ao vivo

. Agenda

.arquivos

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

.A visitar

blogs SAPO

.subscrever feeds