Terça-feira, 28 de Agosto de 2007

Caetano Veloso

Caetano Veloso que regressa a Portugal em Outubro para 4 espectáculos – 12 e 13 no Coliseu dos Recreios e 15 e 16 no Coliseu do Porto – lança já em Setembro o CD “Cê ao Vivo”, registo do show que passará por Portugal. Gravado no Rio de Janeiro, já é conhecido o set list do disco:
 
1. Outro
2. Minhas Lágrimas
3. Chão da Praça
4. Nine out of Ten
5. Um Tom
6. O Homem Velho
7. Homem
8. Ilusão à Toa/ Amor Mais que Discreto
9. Odeio
10. Como 2 e 2
11. Sampa
12. Desde que o Samba é Samba
13. Não me Arrependo
14. London London
15. Fora da Ordem
16. Rocks
17. You Don't Know me
publicado por rayoflight às 12:16
link do post | comentar | favorito
|
Segunda-feira, 27 de Agosto de 2007

Pintura íntima

Joanna está de regresso com um espectáculo, um CD e um DVD de nome “Pintura íntima”. Repescando alguns dos temas do seu (excelente) início de carreira, outros temas que nunca gravou e algumas surpresas, “Pintura íntima” mostra uma cantora em boa forma vocal, um reportório cuidado, novos e excelentes arranjos musicais mas e principalmente uma cantora renovada que apresenta o seu melhor disco em anos. Nota alta para o início do espectáculo com “Pra começo de conversa” e “Uma canção de amor” (do saudoso Gonzaguinha) e o eficaz medley que junta “Diz quem me ama” e “Pinta de bacana”. “Mensagem pra você” um bonito e emotivo dueto com Biagio Antonacci fica já registada como uma das melhores interpretações da cantora, mais bons momentos na nova leitura do sucesso “Recado” cantado em uníssono por toda a plateia, uma bonita parceria de Sueli Costa e Abel Silva em “Mulher marcada", o vibrante tema título “Pintura íntima”, a visita ao reportório de Rita Lee em “Desculpa o auê”, a interpretação primorosa em “Quarto de hotel”, a delicadeza de “Cicatrizes”, as já clássicas “Amanhã talvez” e “Tô fazendo falta” e a terminar lá no alto o samba “Deixa a vida me levar”. O DVD que acompanha o CD apresenta ainda uma emotiva e sincera homenagem a Cazuza no dueto virtual “Codinome beija-flor”. Joanna apresentará este “Pintura íntima” dia 7 de Agosto no Coliseu do Porto e no dia a seguir no Coliseu dos Recreios em Lisboa, mesmo que estas apresentações tenham metade do brilho desta gravação serão na certa dois concertos magníficos. 8/10
publicado por rayoflight às 19:26
link do post | comentar | favorito
|
Domingo, 26 de Agosto de 2007

Maria Rita

Já é conhecido o nome e o alinhamento do terceiro disco de Maria Rita, o trabalho com data prevista de lançamento para Setembro leva como título “Samba Meu” e terá 14 temas. Pode ouvir um excerto do primeiro (e excelente) single “Tá perdoado” no site oficial da cantora em:

 http://www.maria-rita.com/

 
E aqui fica o set list:
1. Samba Meu
2. O Homem Falou
3. Maltratar, Não É Direito
4. Num Corpo Só
5. Cria
6. Tá Perdoado
7. Pra Declarar Minha Saudade
8. O Que É o Amor
9. Trajetória
10. Mente ao meu Coração
11. Novo Amor
12. Maria do Socorro
13. Corpitcho
14. Casa de Noca
publicado por rayoflight às 21:35
link do post | comentar | favorito
|
Quinta-feira, 23 de Agosto de 2007

Bibi Ferreira

Apresentado em Portugal com dois espectáculos esgotados no Teatro Tivoli em Dezembro de 2000, “Bibi canta Piaf” é um musical grandioso! Em cena no Brasil desde 1984, foi em 2004 (comemoração dos vinte anos da primeira apresentação) que foi gravado este CD que mostra a arte e a vida de duas grandes intérpretes- Piaf e Bibi Ferreira! Mostrando de forma exemplar o percurso e a vida da diva francesa em algumas das suas melhores canções, Bibi vai ainda mais longe e comete a ousadia (eu escrevi ousadia?!) de cantar alguns trechos em português em obras-primas como “La Foule” ou “L´Hymne de la résistence (Le chant des partisans)” sem nunca soar desajustada ou fora do ambiente teatral que “embala” toda a apresentação. E mesmo com um reportório tão marcante, Bibi Ferreira não ombreia o seu próprio talento e mostra que continua com uma afinação, uma segurança na voz e uma interpretação tão únicas que ainda hoje fazem dela uma das grandes senhoras do Teatro Brasileiro. Um álbum surpreendente e que nos leva a viajar por alguma da melhor música francesa seja na interpretação apaixonante el “La foule” à emoção de “La ville inconnue”, ao tom cabaret de “Monsieur Saint- Pierre” e “La Goualante du pauvre Jean”, da teatral rendição de “L´accordeoniste" à lindíssima “Hymne à l´amour”, da energia em “Milord” à contenção inesperada de “La vie en rose”, terminando na genial interpretação de “Non, je ne regrette rien” que fecha com chave de ouro um disco que vale como testemunho de um espectáculo fantástico e da genialidade de uma senhora de nome Bibi Ferreira mas que poderia muito bem ser chamada de Bibi Piaf. Imperdível!
publicado por rayoflight às 00:50
link do post | comentar | favorito
|
Terça-feira, 21 de Agosto de 2007

Lançamento

Explosivo, poderoso, colorido, emotivo (a contenção na interpretação de “Pensar em você” é no mínimo assombrosa…), chega esta semana ao mercado nacional o DVD de um dos melhores espectáculos de 2006: “Balé Mulato ao Vivo” de Daniela Mercury. Segue o set list e os extras que podemos encontrar num dos lançamentos mais esperados do ano:
 
Temas:
Aquarela do Brasil 
Levada Brasileira  
Meu Pai Oxalá 
Olha o Gandhi aí  
Nobre Vagabundo  
Baia-nidade Nagô  
Prefixo de Verão  
Só no balanço do mar  
Feijão de Corda 
Toneladas de Amor/ Citação do Poema Amor Santo - Part. Especial: Márcio Mello  
Topo do Mundo  
Pensar em Você 
Dia Branco  
Amor de ninguém  
Você não entende nada  
Ciranda das Panelas/ Citação das Obras “Sai Piaba” e “Ciranda de Lia”  
Ilê Ayê (Que Bloco é Esse)  
Dona Canô - Part. Especial: Mariene de Castro e Banda Didá  
Balé Popular - Part. Especial: Banda Didá  
Não chores mais (No Woman No Cry)  
Ilê Pérola Negra (O Canto Do Negro) 
Água do Céu - Part. Especial: Gil  
Maimbê Dandá  
 
Como extras temos o vídeo inédito de “Quero a felicidade” (excelente tema com raízes africanas), o lindíssimo videoclip de “Topo do Mundo”, making of, entrevistas e cenas de bastidores. Um DVD obrigatório de uma artista que não pára de surpreender, arriscando sempre novas abordagens numa carreira corajosa e há muito consagrada. Bravo Daniela, Bravo!
publicado por rayoflight às 00:25
link do post | comentar | favorito
|
Domingo, 19 de Agosto de 2007

Antecipação

 

Estas são as capas dos próximos trabalhos de Eugénia Melo e Castro e Djavan.
“Matizes” é o nome do disco do cantautor brasileiro e estará nas lojas em Setembro, já o CD de Eugénia tem como nome “Duetos” e inclui 16 duetos com alguns dos maiores nomes da MPB, segue o alinhamento do disco que terá lançamento em Portugal e Brasil previsto para Novembro:
 
1-“Canta Mais” EMC com Tom Jobim
2-“Injuriado” EMC com Chico Buarque
3-“Olhos castanhos” EMC com Caetano Veloso
4-“Bem querer/ Futuros amantes” EMC com Adriana Calcanhotto
5- “Amor é cego e vê” EMC com Milton Nascimento
6-“A dança da lua” EMC com Ney Matogrosso
7-“Coração imprevisto” EMC com Caetano Veloso
8-“A luz do meu caminho” EMC com Paulo Jobim
9-“Quando a tua boca beijo” EMC com Gal Costa
10-“Contrastes” EMC com Chico Buarque
11-“Caminho errado” EMC com Simone
12-“A luz do meu caminho” EMC com Ney Matogrosso
13-“Bom conselho” EMC com Chico Buarque
14-“Amarga vinha” EMC com Carlos Lyra
15-“Foi Deus” EMC com Ney Matogrosso
16-“Surpresas” EMC com Gonzaguinha
publicado por rayoflight às 00:31
link do post | comentar | favorito
|
Sábado, 18 de Agosto de 2007

Tom e Vinicius

Chega a Portugal uma preciosidade -  “Orfeu da Conceição” -  a obra que marcou o início de uma das mais brilhantes colaborações na história da música: a parceria entre António Carlos Jobim e Vinicius de Moraes.
“Orfeu da Conceição” é uma adaptação musical de “O mito de Orfeu”, foi escrita por Vinicius de Moraes em 1942 e musicada por Tom Jobim 14 anos depois. Subiu aos palcos brasileiros em 25 de Setembro de 1956 e o LP revelou ao mundo pérolas como “Se todos fossem iguais a você”, “Mulher, sempre mulher”, “Lamento no Morro” (em interpretações marcantes de Roberto Paiva) e um genial “Monólogo de Orfeu” recitado pelo próprio Vinicius. Tudo regido pela batuta de Tom acompanhado por uma orquestra de 35 elementos. O CD é apresentado em embalagem digipack e o encarte traz um texto de 5 páginas da autoria de Rodrigo Faour. Um disco que vale como testemunho do marco que é na história da MPB e que nos traz alguns clássicos cujo tempo não apagou o brilho…
Indispensável, 10/10.
publicado por rayoflight às 00:28
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|
Quarta-feira, 15 de Agosto de 2007

Esta Chama...

Maysa (falecida em 1977) foi uma das mais geniais e talentosas intérpretes/ compositoras da Música Popular Brasileira. “Esta chama que não vai passar” é um tributo a uma obra indispensável, mas e sobretudo, um tributo emocionante pela voz e alma de alguns dos maiores nomes da música actual! Alcione, Ney Matogrosso, Alaíde Costa, Maria Bethânia, Beth Carvalho, Bibi Ferreira, Zeca Baleiro, só para citar alguns, pegam em 20 temas escritos e/ou popularizados por Maysa e o resultado é um disco brilhante, em que a poesia e a música aliadas a excelentes interpretações nos fazem recordar a saudosa intérprete.
Maysa sempre escreveu e interpretou canções tristes e o tom dolente e emotivo deste tributo ganha asas e marca “personalidade” na maior parte dos temas aqui apresentados. Nota alta para Alcione arrebatadora em “Ouça”, Ney Matogrosso marcante em “Meu mundo caiu”, a contenção genial de Célia em “Nós”, Alaíde Costa numa interpretação fantástica de “Demais”, Maria Bethânia na lindíssima “Quando chegares”, “Bom dia tristeza” (um dos melhores temas do disco) com uma inspirada Beth Carvalho, Fernanda Porto espantosa em “Nego malandro do morro”, “Adeus” com Cida Moreira, “Até quem sabe” numa espantosa leitura por Arnaldo Antunes, a teatralização de Bibi Ferreira em “Suas mãos”, uma iluminada Claudette Soares em “Tema de Simone”, “Pra não mais voltar” no vozeirão de Leny Andrade e “Morrer de amor” com Cláudya.
Uma boa surpresa esta compilação, emotiva, sincera e com a certeza que “…esta chama não vai passar..." 10/10
publicado por rayoflight às 02:23
link do post | comentar | favorito
|
Terça-feira, 14 de Agosto de 2007

Nos horizontes do Mundo...

Depois do excelente “Nos horizontes do mundo” lançado em 2005, chega agora o registo ao vivo da digressão de suporte a esse disco. Gravado em S. Paulo em Agosto de 2006, Leila Pinheiro apresenta um espectáculo intimista onde mostra a boa forma que a sua carreira vive actualmente. Intérprete talentosa, doseando com mestria técnica e emoção, é ao vivo que a cantora mais surpreende, seja pelo facto de conseguir transmitir uma segurança e uma afinação idênticas às gravações em estúdio ou por conseguir que canções excelentes como “Gozos da alma” ou “…E muito mais” consigam “crescer” ainda mais ao vivo. Outro ponto a destacar são os arranjos simples (mas eficazes) que valorizam a interpretação, criam uma identidade própria para cada tema e ainda assim favorecem um clima coeso e homogéneo na totalidade do concerto. E é com um prazer redobrado que se ouvem pérolas como a vibrante “E muito mais”, a intensa “Escravo de alegria”, a lindíssima “Catavento e girassol”, a brilhante parceria de Ivan Lins e Chico Buarque em “Renata Maria”, a impressionante interpretação de “Minha alma”, a emotiva “Mais uma vez”ou o fantástico medley que junta “Amor é outra liberdade” (excelente composição de Sueli Costa e Abel Silva), “Você bem sabe”, “Só louco” (numa leitura tão bonita como minimalista) e uma poderosa “Vitoriosa”. “Isso aqui o que é” com “Brasil pandeiro” fecham o disco e uma viagem musical que nos traz um dos melhores discos de MPB deste ano. E venha de lá o DVD. 9/10
publicado por rayoflight às 00:58
link do post | comentar | favorito
|
Sábado, 11 de Agosto de 2007

Meu samba...

Clara Moreno chega às lojas nacionais com o seu 5º disco: “Meu samba torto”. Longe da estética electrónica do anterior “Morena bossa nova” de 2004, “Meu samba torto” é um disco orgânico, quase acústico! Acompanhada por Celso Fonseca em 6 das 14 canções, Clara Moreno apresenta um trabalho coeso, recheado de óptimas composições (que aliam habilmente a simplicidade de um som acústico à envolvência da sonoridade “sambista”) e um trabalho de interpretação que fica já registado como o seu melhor até à data. Destaques deste CD ficam por conta de “Litorânea” delicioso dueto com Celso Fonseca, “Sabe quem”, a fantástica “Sei lá”, “Mon manege a moi” versão bossa-nova/samba do sucesso de Edith Piaf, a bonita leitura de “Copacabana”, “Meu samba torto” composição de Celso Fonseca naquele que é o melhor tema do disco, a piscadela ao jazz em “Vem morena vem”, a serena e emotiva “Ela vai pró mar” e uma surpresa de nome “Tenderly” em que a cantora é (apenas) acompanhada por uma guitarra eléctrica. Um disco muito interessante, com uma produção impecável e que coloca definitivamente na rota certa a promissora carreira de Clara Moreno, 7/10.
publicado por rayoflight às 00:06
link do post | comentar | favorito
|

.pesquisar

 

.Junho 2011

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

13
15
16

19
21
24
25

28
29


.posts recentes

. Contos de fados

. Gato escaldado

. Água

. Viagem

. Agenda

. Maíra Freitas

. Agenda

. Brasil encena

. Ao vivo

. Agenda

.arquivos

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

.A visitar

blogs SAPO

.subscrever feeds